Dizer não faz bem


Dizer não faz bem

Quantas vezes você já sentiu vontade de dizer ou até mesmo gritar um Não bem grande e não conseguiu?

Fomos educados para sermos agradáveis, polidos com as pessoas, a não demonstrar descontentamento ou mesmo ressentimento.

Tem a questão religiosa que nos coloca em situação de pura culpa, e acabamos falando sim quando não desejamos, assumindo responsabilidades que muitas vezes não tem nada de gratificante e nem nos dizem respeito.

Já pensou o quanto já gastou de energia falando sim a alguém e depois ficou se remoendo de raiva por ter aceito fazer algo da qual não queria fazer?

Podemos pensar também qual é o ganho que se tem em estar sempre disponível ao outro? Será que tem medo de desagradar, de ser preterido, ser menos amado?

Dizer não é uma aspecto muito importante para o restabelecimento de nossa auto estima, pois coloca limite tanto no outro como em si mesma, se pensarmos na comida.

Podemos e devemos dizer não em muitas ocasiões em nossas vida, pois precisamos ter noção de nossos limites, como por exemplo não ir trabalhar no sábado porque seu chefe pediu, pois é seu dia de folga , e estava esperando para descansar.

Claro que em tudo temos que ter capacidade de avaliação para tomarmos um boa decisão, mas quero focar na quantidade de momentos que abre mão de VOCÊ em função do outro, e acaba se entupindo de trabalho, tarefas, compromissos e lógico de comida!

Ouço das pessoas diversas desculpas para justificarem a falta de tempo para se cuidarem: Não tenho tempo de ir na academia ainda, não deu para ir fazer minhas compras essa semana , ainda nem liguei para o cardiologista como me orientou, mas teve tempo para correr a cidade de um lado para outro em função de outros compromissos que nada dizem respeito a VOCÊ!
E lhes pergunto:

Quando isso vai mudar?

Qual presente tem se dado nos últimos meses? Uma massagem, um cuidado médico, uma caminhada no parque para relaxar…

Lembrem-se, que você tem o valor que se dá, e qual o valor que tem dado sua saúde e seu corpo?

Olá, sou Luciana Kotaka ,algumas já me conhecem outras não, sou Psicóloga Clínica, filiada a ABESO, Associação Brasileira de Obesidade e Síndrome Metabólica, pós graduada em Obesidade e Transtornos Alimentares e o foco do meu trabalho é emagrecimento e manutenção de peso e também os transtornos como anorexia, bulimia e compulsão.

Por: Luciana Kotaka
Psicóloga Clínica Silvia Luciana Kotaka
CRP- 08/06502-1
Psicóloga Clínica Transtornos Alimentares
Emagrecimento e Manutenção de Peso
Blog: blog.comportamentomagro.com.br
www.comportamentomagro.com.br


8 comentários:

exoticlic.com disse...

menina teu blog tá cada dia melhor, isso verdadeiramente merece virar um portal online.

valor? se eu me dou valor?
eu me xingo todo dia pela falta de
amor próprio, meu problema é a balança o espelho enfim tudo que lembre o corpo, 1,66 e 40kg
me aterrorizam não estou dizendo que to gorda eu sei que não to tão gorda mas eu me sinto gorda me sinto com uns 70 kg =/

desculpa eu não quero ofender garota alguma que tenha esse peso, eu sei isso não é normal, eu luto com anorexia há 4 anos, 3 anos atraz eu fiquei 28 dias em coma pelos 30kg que cheguei, hoje to com 21 anos, passei o tempo tentando me convencer que to bem e devo para com essa loucura, mas é mais forte que eu, quando isso vai acabar não sei, mas sei que tá acabando com meu juizo!

ANINHA disse...

Sabe o que eu estava pensando? Que nós, lendo esses posts maravilhosos aprendemos mto, mas não podemos esquecer de aplicar com os outros, rs, assim: tenho 2 sobrinhas, uma de 1 ano e outra de 6, tenho que pensar nelas e agir certo para q futuramente elas não passem pelo q nós passamos. Deu prá entender? kkk, é isso. Bjo e parabéns LUUUU!!! Parabéns Dreza, migaaa!!! BOA SEMANA!!!

MULHER BÁSICA disse...

Eu digo não o tempo todo...não trabalho mais pra ninguém, só pra mim e minhas clientes são só as q eu gosto...cheguei a conclusão q atender ou agradar a todos só traz rugas e cabelos brancos...e graças a Deus eu não tenho nenhum dos dois...rsrs
EU ME AMO!!! e faço só o q quero...passo por dificuldades sim, mas não me aborreço mais.
Bjão

Ci Tartarini disse...

Bju e parabéns pelo blog sempre atual,sempre nos fazendo parar e pensar!!!

Ci Tartarini disse...

Bju e parabéns pelo blog sempre atual,sempre nos fazendo parar e pensar!!!

Aline disse...

Confesso que tenho dificuldades em dizer não.. já fui muito pior... melhorei bastante, mas não o suficiente.
Espero conseguir mais vezes!

RAY COSMÉTICOS disse...

Oiii!!!

Tem sorteio no blog www.saboneteshidratantes.blogspot.com

Sorteio Banho de Sereia.

Participe!!!

Normal, mas nem tanto... disse...

Preciso aprender a dizer não.. Por muitas vezes, me sufoca ter que abrir mão tantas vezes..


Ótimo Post!

Beijocas! =)