Bursite


Bursite

Bursite é uma patologia que muitas pessoas apresentam mas muitas vezes não sabem ou confundem com outro tipo de patologia.

A bursa que é uma pequena bolsa contendo líquido que envolve as articulações e funciona como amortecedor entre ossos, tendões e tecidos musculares.

A bursa apresenta uma função muito importante que é a de impedir que o osso pressione os tecidos mais moles (como os músculos e outros), diminuindo o atrito entre essas partes e evitando lesões.


Quando falamos em bursite ou bursa, muitas pessoas associam com o ombro, mas no nosso corpo existem diversas bursas, cerca de 160.


Bursite nada mais é do que a inflamação dessa bolsa, isso pode fazer com que a parede dessa bolsa fique mais grossa e produza mais líquido, devido a esse acúmulo de líquido a região pode ficar mais inchada.

Embora as bursas se espalhem por todo o corpo, os locais mais acometidos são : Ombros, cotovelos, quadris e joelhos.


Causas

Podem ser causadas por traumatismos, infecções, uso excessivo da articulação, artrites, etc.

Na maioria dos casos, a bursite é causada por situações nas quais muita pressão é aplicada sobre a bursa, quando a articulação
próxima está inflamada ou após movimentos repetitivos.

Sintomas

• Dor local – Esse é o principal sintoma, geralmente acontece durante o movimento mas algumas vezes é sentida no repouso.
• Inchaço no local – Devido ao acúmulo de líquido
• Inflamação – Pode ocorrer infecção da bursa, a partir daí ocorrem os sintomas característicos que são: vermelhidão, calor e inchaço da articulação
• Restrição aos movimentos.
Diagnóstico

Geralmente o diagnóstico é feito com base na história do paciente e no exame físico onde podem ser realizados alguns testes específicos para a bursite. Outros exames como ultra-sonografia, ressonância magnética e RX podem ser utilizados.
Quando há suspeita de infecção, poderá ser solicitada coleta do líquido da bursa para exame.

Tratamento
• Diminuição/ restrição de alguns movimentos que gerem dor;
• Utilização de Antiinflamatórios;
• Bolsas de gelo/ compressas.
• Fisioterapia;
• Melhora da postura;
• Em casos mais graves, injeções de medicamento no local da dor;
• Antibióticos, no caso de infecções;
• Cirurgia, no caso de infecções que não possam ser tratadas com medicamentos;

Como evitar / prevenir


• Evitar permanecer na mesma posição por muito tempo;
• Evitar posições e movimentos que aumente a pressão na bursa;
• Procurar atividades físicas que possam manter a força e elasticidade sem levar a bursite;
• Evite sobrepeso, pois ele aumenta a carga nas articulações.
• Caso sinta dor durante a pratica de alguma atividade física, mude a maneira de realizar o movimento ou substitua;
• Manter sempre uma postura correta, evitando desequilíbrios que possam sobrecarregar alguma articulação.



Olá, meu nome é Thiago, sou Fisioterapeuta, tenho formação nas áreas de RPG, Aurículo acupuntura, Shiatsu e Pilates, sou membro da Associação Brasileira de Pilates ( ABP ). Estarei escrevendo semanalmente um tema sobre saúde, que compreenda as minhas áreas de atuação.

www.fisioterapias.com.br




Dr° Thiago quer saber: Você tem alguma sugestão ou algo que queira saber, o Dr° Thiago fará um post especial sobre o que você sugerir.. então, mande um email para andrezafsilva@bol.com.br

2 comentários:

Mari disse...

Deixei um selinho no meu blog
Pq seu blog é VIP,tem muitos assuntos legais que ensinam muito e a gente aprende,pelo menos eu ,rs
se vc se interessar pegue o seu la
bjos

Leninha - sempre romantica disse...

Oi, gostaria de pedir que vocês divulguem minha promoção aqui no seu blog!
Dê uma forcinha aí, desde já agradeço!

BLOG SEMPRE ROMÂNTICA
segue o link da promoção:
http://natadosromances.blogspot.com/2009/11/2-promocao-sempre-romantica.html

Obrigada!
E aguardo você por lá tbm, participando!